ONG Sinhá Laurinha

Home  » Gás de Xisto

O FONAHSC (Fórum Nacional da Sociedade Civil e de Comitê de Bacias Hidrográficas) se coloca contra o faturamento hidráulico do gás de xisto. Método polemica, pois não há estudos sobre os danos causados. A ANP (Agência Nacional de Petróleo), não tem estudos abalizados sobre os impactos ambientais. Os aquíferos poderão ser contaminados, terremotos poderão ocorrer e o uso de aditivo químico, água e areia para fraturar a rocha facilita o retorno da água contaminada á superfície.

Apresentação de Gislene Margarida Pereira.

 



© 2017 Sociedade Sinhá Laurinha - Todos os diretos reservados